Deus imaginário para sufocar a solidão

23/03/2017 14:02

Queridos e Queridas Ateístas, Um Salve a todos os Deuses e beijo às Deusas !!!
 

Desconstruir o discurso manipulador que tem usado a religião. Tendo em vista que não é lícito ao cristãos questionar qualquer coisa que falamos aqui.
 

Um conselho para todas as pessoas que vivem uma relação com um Deus imaginário por ter medo de estar sozinho.
Confesso que passei por isso, mas hoje vou explicar por que é uma grande besteira se envolver com um Deus imaginário por medo de não dar conta de viver sozinho. 

 

Todo cristão já teve ou tem medo da vida e por isso elegeu um Deus imaginário. Essa frase é esquisita, mas acredito que seja verdade para muitos cristãos. Como disse já passei por isso, mas hoje vejo a besteira que é sentir medo por estar em um planeta e suspenso no universo. 

 

Para tentarmos entender a origem disso, basta voltar a sua infância e filosofar sobre os inúmeros padrões que a igreja e sua família exigiu que você enquanto criança assimila-se, informações que lhe afetaria negativamente, e desde pequenos se veem obrigados a seguir dogmas e doutrinas assustadoras. 

 

Mas o texto não tem o objetivo para indagar os padrões e muito menos tentar entender por que a igreja é tão sacana com seus fiéis em alguns momentos. O texto é para tentar libertar os cristãos que se sentem tão oprimidos, mas tem medo de sair da caverna. 

 

Meu precioso conselho para os amigos cristãos é um: adquira conhecimento. Existem tantas questões maravilhosas para se fazer à igreja. Por favor, joguem essa ignorância bem longe de você, exorciza os pensamentos ignorantes da necessidade constante de precisa de um deus imaginário para lhe ajudar, e viva a vida com tudo o que tem de bom para oferecer e visite mais as bibliotecas. 

 

Esse é um texto para incentivar você a se tornar protagonista. Até porque é estranho alguém como você acreditar em divindades agindo. Não. Eu acredito muito na capacidade humana. Mas também acredito na ajuda ao próximo. Essa é a "força divina" que nos move, faz descobrir coisas novas, superar obstáculos, enxergar o mundo de várias formas diferentes ao mesmo tempo. 

 

Pensar em um Deus poderoso é realmente bom, não nego. Entretanto, estamos sozinhos. E confesso que da aflição de ver esses milhares de cristãos que simplesmente não tem a capacidade de questionar os ensinamentos dos opressores. 

 

Cristãos, acordem! Primeiro de tudo: a vida não desenrola melhor para os que tem fé. Já repararam como as maiores coisas de sua vida nada teve a ver com Deus lhe ajudando? Pois é… Segundo: As milhares de coisas incríveis que ajudam efetivamente o ser humano pelo mundo não foram inspirados pela bíblia e muito menos executados por seres divinos, foi simplesmente pela pesquisa científica de anos e anos, muito trabalho e muito dinheiro. Estou querendo dizer exatamente que não existe Deus. 

 

Ser livre de religião é ter muito tempo para si mesma – muito tempo para pesquisar sem medo do que vai questionar. Ser livre é poder fazer absolutamente o que quiser e ser o único responsável pelo sucesso ou não. Não precisa dar satisfações, sair para dançar e voltar de madrugada, ou simplesmente ficar em casa embaixo das cobertas. É claro que também podemos fazer tudo isso e nunca perder o desejo de pesquisar, pois foi ela quem nos libertou. 

 

Porém, acredito que estar livre do ser imaginário e de sua religião é mais do que isso. A maior vantagem de ser um livre pensador é a autodescoberta sincera que é promovida do interno para o externo. É claro que nos colocando para pensar fazemos uma grande viagem dentro de nós mesmos, mas é quando estamos em nossa própria companhia que deslumbramos os nossos maiores medos, inseguranças, e desejamos que exista algum deus para nos proteger, e também nesse confronto descobrimos os nossos sonhos que nada tem a ver com vontade divina. 

 

Não poderia ser diferente… É na solidão que temos nossas maiores reflexões e soluções de problemas e a consciência de que estamos presos no planeta terra e solto no universo. Então, é claro que meu conselho não poderia ser diferente. Cristãos de todos os cantos, parem de se lamentar por não existir Deus algum com quem possa dividir suas alergias e tristezas. Apenas vivam. Até porque, se desejam tanto um “felizes para sempre” com alguém, é mais do que primordial terem uma ótima amizade real e verdadeiro.